Primeira Drinkeria de BH aposta no estilo Finger Food

Sashimix

Cada vez mais em alta no circuito gastronômico mundial, o estilo Finger Food serve de base para todo o cardápio do Mambo. Por causa de sua praticidade, o gênero permite que sejam preparados petiscos elaborados para serem manuseados e comidos diretamente com a ponta dos dedos, numa degustação rápida, mas cheia de sabor. Isso sem contar o visual dos pratos com seus petiscos em miniatura delicadamente arranjados nas bandejas. O Mambo também inova por ser a primeira Drinkeria de Belo Horizonte e um dos únicos estabelecimentos na capital a adotar o conceito de Pub Latino.

O responsável pela elaboração de todos os pratos da casa é o Chef Henrique Ferrari, forte adepto do estilo Finger Food. Em suas criações, ele lança mão de uma série de utensílios para a montagem dos petiscos, como palitos e colherzinhas. Alguns desses suportes são até comestíveis, como é o caso das Barcas Crocantes, base para o preparo do Sashimix (R$30), que tem seu Sashimi de Ceviche de Salmão, Salsa de Kiwi e Camarão seco defumado colocados sobre deliciosas barcas.

Assim, misturando as culinárias latina, clássica e asiática a elementos típicos da comida de boteco mineira, Ferrari também tem conquistado o paladar dos frequentadores com os Beirutines (R$25), compostos por Charutos de pão folha com Roast Beef ao Vinagrete de Ervas, com Aioli, Champignon e Gergelim. Um outro Hit da comida de boteco, a Batata, também é reinventada pelas mãos do Chef. Nas Spice Papas (R$20), a Batata Baby é salteada ao curry e ganha cobertura de creme de milho, flocos de bacon e cebolinha. Para os vegetarianos, há a opção com bacon de soja.

A casa ainda tem dezenas de outros pratos, entre carnes, peixes e sobremesas. Como não poderia deixar de ser, há também centenas de Drinks e Coquetéis para harmonização com os petiscos.

Os Beirutines caem bem com o refrescante Borbonito (R$20), composto por Jack Daniel’s e Cointreau

SOBRE O FINGER FOOD

Reza a lenda que a expressão Finger Food surgiu quando a atriz inglesa Joan Collins foi a um restaurante e pediu um petisco que pudesse ser comido diretamente com as mãos. Com o motivo de não borrar o batom, a moça acabou criando moda no mundo da gastronomia. Hoje, o gênero se espalhou por todos os cantos e veio para ficar por causa de sua praticidade e elegância.

Sobre Mambo Drinkeria


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: